Sem Marta, Cristiane marca três e Brasil vence Jamaica na estreia da Copa

https://parananews.net.br/wp-content/uploads/2019/06/Fut.Fem_.jpg

Sem  Marta, que está lesionada,  Andressa Alves, camisa 7, e Cristiane, camisa 11, assumiram a responsabilidade e conduziram a  eleção ao ataque na estreia do time brasileiro na Copa Feminina de Futebol. Com o resultado de 3 a 0, o Brasil somou os primeiros três pontos, assumindo a liderança do Grupo C, à frente da Itália, também com três pontos. Já a Jamaica, sem pontuar, aparece em último lugar. A seleção volta a campo na quinta-feira (13), contra a Austrália, às 13h (de Brasília).

Cristiane não atuava pela seleção desde a Copa América de 2018, mas voltou mostrando seu faro de artilheira característico. Com o Brasil melhor em campo, a dupla Andressa Alves e Cristiane apareceu em grande estilo.

Nos primeiros minutos de jogo, a seleção brasileira fez jus ao status de favorita e partiu para cima da Jamaica. Os principais lances de perigo saíram com lançamentos da intermediária e cruzamentos pela esquerda. Em um desses lances, Cristiane abriu o placar aos 15 minutos.

Depois do gol, a Jamaica se viu obrigada a atacar. O Brasil passou a levar perigo em contra-ataques. A goleira Schneider, destaque no primeiro tempo, evitou o segundo gol do Brasil. A melhor chance para ampliar o placar surgiu aos 37 minutos. Após pênalti de Shaw, Andressa Alves bateu mal e Schneider pegou. Após perder o pênalti, o Brasil tentou cadenciar o jogo e garantiu a vitória parcial sem sustos.

No segundo tempo, o Brasil começou no ataque e contou com o oportunismo da atacante Cristiane para ampliar. O segundo gol foi marcado após cruzamento de Andressa Alves aos cinco minutos. O terceiro foi feito aos 15 minutos, de falta.

Após os 3 a 0, Vadão fez modificações e a equipe brasileira passou a explorar os contra-ataques. O Brasil até teve boas chances de gol, mas não conseguiu ampliar o marcador.

Bem Paraná

 

Facebook Twitter Google+ linkedin email More
Copyright © Paraná News - A Informação com Credibilidade e Imparcialidade!