Paraná News

Paranaense que tentou apagar a tocha olímpica é degolado em Santa Catarina

https://parananews.net.br/wp-content/uploads/2017/11/28082017-_MG_9210-8.jpg

Eduardo Alberto Torres, que ficou conhecido por supostamente tentar apagar a tocha olímpica com um extintor de incêndio quando ela passou por Joinville, em julho do ano passado, foi encontrado morto e quase decapitado.

O corpo estava numa casa abandonada, na rua José Vieira, bairro Corveta, em Araquari, e apresentava um profundo corte no pescoço.

Os parentes de Eduardo foram de Apucarana para Araquari providenciar a liberação do corpo, que vai ser transladado para velório e sepultamento em Apucarana.

A Polícia Militar de Araquari, que atendeu o caso, confirmou que Eduardo foi degolado.

O suspeito do crime ainda não foi identificado. Moradores do bairro revelaram, aos policiais, que Eduardo fazia parte do Movimento Sem Terra, e que era uma pessoa tranquila e sem inimigos.

A Polícia Civil de Araquari busca informações sobre o homicídio.

Eduardo Alberto Torres ficou conhecido como o homem que tentou apagar a tocha olímpica em julho do ano passado.

Ele estava em Joinville quando acompanhou o revezamento da tocha.

Ao chegar na Beira Rio, região central de Joinville, tentou apagar a chama com um extintor de incêndio, mas logo foi contido pela polícia.

Levado para a delegacia de polícia, somente foi solto após assinar um termo circunstanciado, e responderia pelo crime de perturbação ao sossego.

Rádio Educadora AM

PATROCINADORES

.