Cascavel se aproxima dos 7 mil casos, em 06 meses de enfrentamento a covid-19

https://parananews.net.br/wp-content/uploads/2020/09/coronavirus-reproducao-1007.jpg
Nesta semana, Cascavel completa seis meses desde as primeiras medidas adotadas de enfrentamento ao novo coronavírus. Doença, que mudou a vida e a rotina de boa parte da população.

Em novo boletim epidemiológico divulgado no fim da manhã desta segunda-feira (14), os dados apontam que 6 mil 959 cascavelenses já foram acometidos pela doença. Além disso, 130 vítimas fatais foram registradas, o que representa taxa de letalidade de 1,8%.

No momento, 228 pacientes estão ativos com Sars-Cov-2, sendo 180 em isolamento domiciliar, 29 internamentos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 19 em leitos de enfermaria. A cidade também celebra, 6.601 recuperações.

Há ainda, outros 51 pacientes internados em leitos exclusivos para a doença, mas que ainda não apresentaram resultado para o vírus. Do total, 15 estão internados em UTI e outros 36 em enfermarias.

Ocupação de Leitos
No fim de semana, a Secretaria de Saúde de Cascavel, alertou sobre a taxa de ocupação de leitos de UTI geral adulto no município, pois no momento não havia nenhum leito disponível.

Nesta segunda-feira (14) o cenário se mantém semelhante, já que a rede pública (SUS) segue com apenas dois leitos livres, o que representa uma taxa de ocupação de 96,4%. Dos 56 leitos em cinco instituições de saúde, 54 estão ocupados.

Já para leitos exclusivos para atender pacientes confirmados ou suspeitos da doença, a taxa de ocupação é menor, tendo 46 leitos disponíveis e 15 estão vagos.

Aumento de casos
Na última semana, todo o Paraná apresentou aumento nos casos confirmados da doença.

Na macrorregião Oeste, o destaque é para a 9ᵃ Regional de Saúde, em Foz do Iguaçu, com crescimento de 10,8%. Das cinco regionais, Cascavel aparece em quarto no ranking com 5,8% de aumento nos casos confirmados da doença.

Toledo, aparece com 8,7% de aumento.

Redação Catve.co
PUBLICIDADE
FacebookTwitterGoogle+linkedinemailMore
Copyright © Paraná News - A Informação com Credibilidade e Imparcialidade!